25 novembro 2018

Analise: Buraco politico gera buracos nas cidade. Mudança gera mudança.


A situação é a seguinte, temos uma cidade e uma administração, quando temos uma boa administração a cidade gera empregos, renda, boa saúde pública, educação em destaque, infraestrutura funcionando, saneamento feito ou iniciado, empresas e pessoas comuns alegres e motivadas.

Ao contrario, quando temos uma administração ruim, temos desemprego, desmotivação, problemas graves em todos os setores públicos como educação, saúde, infraestrutura e demais órgãos administrativos, tudo se torna um grande buraco negro onde cai a estima do povo e a esperança de dias melhores.

Um povo acomodado gera um prefeito acomodado, um povo inerte gera uma legislativo conivente com as acomodações executivas, ou seja, acomodação gera acomodação, e buraco administrativo gera buracos na cidade, buracos nas ruas, nas contas da gestão, na saúde e na esperança da população.

A consciência popular nos últimos anos sofreu uma leve alteração para mais, o que nos leva a acreditar que ela pode evoluir um pouco maia a cada pleito eleitoral. As últimas eleições foram cruciais para nos mostrar que a paciência do brasileiro encurtou com tanta corrupção e desmando, o sinal foi ligado para os perpetuadores da velha politica, 2018 fez história e 2020 tende a ir na mesma onda, políticos de carreira que tem como base o assistencialismo em suas politicas, terão que lidar com a nova geração de jovens políticos que estão vindo mais consciente e com a mentalidade de que fazer politica não é promover dependência aos eleitores.

O recado antiesquerda, anticomunista, petista e tudo relacionado essa ideologia que manchou a moral do Brasil nos últimos 14 anos, a nova geração de políticos não estão vindo com alienação politica nem com a mentalidade de troca nas eleições, muito menos com discurso de divisão de classes.

Estado e cidade que ainda estão sob regência de regimes ligados aos citados no paragrafo acima já estão preparando a mudança no discurso para 2020 devido a onda contraria a tudo que eles pregaram nesse período de governo petista, o mau que fizeram está vindo contra eles, plantaram e agora estão colhendo.

2020 trará consigo uma sequencia da onda de 2018 e certamente continuará as mudanças, agora no âmbito municipal, e de já a recomendação é que todos comecem a analisar o comportamento dos políticos como prefeitos e vereadores, na maioria das cidades do nordeste a mudança deverá ocorrer ou não de acordo com as ações do novo governo federal com Bolsonaro, se ele fizer cumprir suas promessas, será uma assinatura para a mudança nos municípios de esquerda para direita, do contrario, continuaremos assistindo a perpetuação das mazelas dos governos de esquerda nessa região do Brasil.

Gilberto Freire


Nenhum comentário:

Postar um comentário